Consultório Sentimental: Medo de ser usada

A QUESTÃO: Com 24 anos, terminando a faculdade e satisfeita com as atenções da família, desconfia que sofre de uma paranóia crônica e relata. “Comecei a namorar com 14 anos um rapaz que estudava comigo, namorei durante 5 anos e oito meses, e nunca me senti segura o suficiente para iniciar minha vida sexual, chegamos a ficar noivos, porém eu descobri que não gostava mais dele e resolvi terminar a nossa relação. Desde de então eu encontro enorme dificuldade em me relacionar com o sexo oposto, não voltei a ter nenhum tipo de relacionamento sério, durante dois anos acho que não consegui ficar com ninguém mais que duas vezes, consigo afastar quase todos os homens que se aproximam de mim com meu jeito desinteressado e estúpido. Sou desconfiada ao extremo, tenho pavor de ser feita de idiota, então não consigo me abrir e expressar meus sentimentos como as outras pessoas. Neste ano me interessei por alguém e combinamos de viajar juntos. Durante a viajem tive uma crise de ansiedade, misturada com insegurança, TPM e medo e ele me pediu um tempo. Faz mais de um mês que tudo isso aconteceu, e eu ainda sofro muito pois só descobri que estava apaixonada quando nosso relacionamento acabou. Me sinto estranha, as vezes usada e uma burra, pois demorei tanto tempo para me interessar por alguém e escolhi a pessoa errada, talvez até tenha escolhido a pessoa certa mas por insegurança acabei perdendo-a de forma insensata… sinto-me confusa, solitária e desamparada, agarro-me aos amigos para viver melhor, mas ninguém compreende o tamanho da minha dor e essa questão sexual também pesa um pouco para mim pois chegar aos 24 anos virgem não é algo tão normal quanto eu gostaria que fosse…”

A REFLEXÃO:

A sua questão é comum a muitas mulheres devido a alta dose de repressão sexual a que todas são submetidas, especialmente quando meninas e jovens. E você se engana principalmente em dizer que a questão sexual pra você pesa um pouco. Ela pesa muito e tem feito sua vida difícil de viver, interferindo nos seus relacionamentos e em outras áreas que você nem imagina. É por conta das questões sexuais que você tem medo de ser feita de boba e acaba se comportando como tal; tem medo de ser usada e acaba perdendo a possibilidade de fazer uso da sua própria vida pra ser feliz. Recomendo que procure fazer psicanálise, que é a uma boa maneira para trabalhar com os recalques sexuais que estão não só na base de seus problemas, mas na dos problemas de muita gente. Não desista.

Carmen Bruder é psicanalista. cbruderfonseca@hotmail.com

mundomulher

As Matérias divulgadas são de inteira responsabilidade do autor

(Visited 115 times, 1 visits today)