Teste desenvolvido por cientistas pode detectar o Alzheimer pelos olhos

Um teste dos olhos pode ajudar a detector e monitorar a doença de Alzheimer, segundo pesquisadores britânicos. De acordo com os especialistas do University College London, a técnica utiliza marcadores fluorescentes que ajudam na aferição da morte das células cerebrais, e podem ser observados através da retina usando um oftalmoscópio a laser específico.

“Poucas pessoas percebem que a retina é uma extensão direta, embora fina, do cérebro”, destacou a pesquisadora Francesca Cordeiro. “É inteiramente possível que, no futuro, uma visita ao oftalmologista para verificar sua visão também irá checar o estado de seu cérebro”, acrescentou a especialista.

Até agora, a técnica havia sido utilizada apenas em células no laboratório. Mas o novo estudo – publicado na revista cientifica Cell Death & Disease – demonstra alguma eficácia no uso da técnica em roedores vivos. “O equipamento usado para esta pesquisa foi desenvolvido ‘sob encomenda’ para modelos animais, mas é essencialmente o mesmo que é usado em hospitais e clínicas ao redor do mundo”, destacaram os autores. “Ele é também não é caro e nem invasivo, o que nos deixa muito confiantes que podemos progredir rapidamente em seu uso em pacientes”, concluíram.

Fonte: Cell Death & Disease | Bibliomed

(Visited 12 times, 1 visits today)