Conheça os mitos e verdades sobre a acne

Uma coisa que me deixa super incomodada é acne, e na hora de falar dela, todo mundo tem um conselho a dar. “Por ser uma doença muito comum, a acne tem muitos mitos ao seu redor, mas há poucos artigos científicos que os explicam”, diz Adilson Costa, dermatologista da PUC-Campinas. Consultamos ele e Heloisa Hofmeister, membro da International Academy of Cosmetic Dermatology (IACD), para saber o que é mito e o que é verdade sobre as espinhas, cravos etc.

Veja abaixo as dicas dos especialistas:

Comer chocolate dá espinha

Mito. O que acontece, segundo Adilson Costa, é que alguns alimentos ricos em leite – sobretudo o desnatado – podem intensificar o quadro clínico de acne, assim como uma dieta com altos índices glicêmicos. Nesse sentido, os achocolatados a base de muito leite podem ser um problema para a pele danificada. Heloisa Hofmeister faz, ainda, uma associação entre a ingestão de chocolate e um período de estresse, fator que comprovadamente acentua as espinhas – o que acaba causando uma confusão, já que o que contribui para a acne é o estresse, não o chocolate.

Somente adolescentes têm acne

Mito. “Adultos também podem ter acne, seja em função de um quadro iniciado na adolescência, seja por uma questão endocrinológica, seja por uso de medicamentos (corticóides, imunossupressores, lítio, vitaminas B1, B6 ou B12, por exemplo)”, indica Adilson.

Lavar o rosto previne a acne

Mito. Ao contrário, explica Adilson, o exagero em lavar a pele pode alterar seu equilíbrio hídrico, deixando-a ressecada. Isso pode piorar o quadro de acne mesmo para quem tem a pele extremamente oleosa. Heloisa indica higienizar a face com sabonetes de níveis adequados de detergência de duas a três vezes ao dia.

Usar maquiagem piora a acne

Mito. Adilson explica que isso acontece apenas se a pele for muito oleosa e a maquiagem utilizada for pesada e também oleosa. Heloisa aconselha os produtos oil free e não comedogênicos – ou seja, que não obstruem os poros.

Estresse contribui para a acne

Verdade. “O estresse, além de liberar radicais livres e reduzir a imunidade da pele, piora, sim, a acne cutânea”, diz Adilson.

Deve-se espremer a espinha

Mito. Heloisa diz que deixa cicatriz, prolonga o processo inflamatório da lesão e provoca outras.

Fonte: Gnt

(Visited 36 times, 1 visits today)